top of page
  • Foto do escritorRadio Catedral

Pediatra fala da vacinação de crianças contra a Covid-19

A vacinação contra a Covid-19 para crianças de 5 a 11 anos teve início no Brasil, em Minas Gerais, e começa em Juiz de Fora nesta semana.


Por Fabíola Castro

Vacinação em Minas Gerais - Foto: Gil Leonardi_ImprensaMG_Agência Minas


A imunização das crianças de 5 a 11 anos com a vacina da Pfizer foi autorizada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) em 16 de dezembro de 2021 e o Ministério da Saúde incluiu esse público, no Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação Contra a Covid-19 no dia 5 de janeiro. Há um ano, em 17 de janeiro de 2021, a campanha de vacinação contra o coronavírus começava no Brasil pelos públicos prioritários, idosos e profissionais da saúde que estavam na linha de frente do combate à pandemia.


No quadro "Bendita Saúde" desta terça-feira (18), o Médico Pediatra, Dr. Antônio Aguiar, falou sobre mais esse passo – que é a imunização das crianças - na contenção da pandemia causada pelo coronavírus já há cerca de dois anos.


Confira:


Nesse momento em que a vacinação contra a Covid-19 completa um ano no Brasil, qual a importância da imunização das crianças?


Quais riscos a Covid-19 traz para crianças?


As vacinas, inclusive das crianças, são testadas para comprovação da sua eficácia?


O imunizante aprovado no Brasil pela Anvisa para a vacinação das crianças é o da PFizer. A administração da vacina nas crianças será diferente daquela usada para as outras faixas etárias?


Quanto às reações depois da aplicação da vacina, o que pode acontecer?


Procurar o médico, o pediatra da criança antes da vacinação se faz necessário?


A vacina das crianças é uma ferramenta importante também para a volta às aulas presenciais?


Quando falamos de vacinação, há muita desinformação e fake news circulando por todo lado, e as pessoas devem ficar atentas com isso, sempre checar e buscar fontes confiáveis e informações seguras?


Estamos falando da vacinação contra a Covid-19 para as crianças nesse momento, mas para além desse público de 5 a 11 anos de idade, os pais devem ficar atentos para manterem a caderneta de vacinação das crianças em dia? Baixa adesão à vacinação como um todo pode trazer risco de surtos e de retorno de doenças já erradicadas?


Quais as considerações para finalizarmos?


Segundo pesquisa do Datafolha divulgada nesta segunda-feira (17), 79% dos brasileiros apoiam vacinação de crianças de 5 a 11 anos contra Covid e 17% dos entrevistados, acreditam que a faixa etária não deveria ser imunizada. A pesquisa foi realizada por telefone com 2.023 pessoas, em todos os estados do país, entre os dias 12 e 13 de janeiro. Conforme a pesquisa, oito em cada dez brasileiros (79%) apoiam a vacinação de crianças de 5 a 11 anos contra a Covid-19.


De acordo com o Ministério da Saúde, já foram compradas pouco mais de 20 milhões de doses da vacina infantil, previstas para chegar até março. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Brasil tem cerca de 20,5 milhões de crianças nessa faixa etária.


Não será necessário apresentar receita médica para vacinar as crianças, como havia sido cogitado anteriormente. Uma autorização por escrito só será necessária se não houver a presença do pai, mãe ou responsável no momento em que a criança for vacinada.


O intervalo entre doses – primeira e segunda aplicação - será de oito semanas (cerca de 2 meses). Conforme a Anvisa, ainda não se sabe se as crianças precisarão de dose de reforço, isso será acompanhado ao longo do tempo, à medida que a vacinação for avançando.


Se a criança fizer 12 anos entre a primeira e a segunda dose, segundo a Anvisa, ela deverá receber ainda a dose pediátrica também na segunda dose.


Seguindo recomendações da Anvisa, as crianças que forem se vacinar contra a Covid-19 não podem ter recebido outra vacina nos últimos 15 dias e não deverão receber outro imunizante nos 15 dias posteriores ao recebimento da primeira dose da vacina Pfizer infantil contra o coronavírus.


A vacina da Covid-19 para as crianças tem o frasco de cor laranja, dose de 0,2mL, contendo 10 µg (microgramas) da vacina, específica para crianças entre 5 a 11 anos.


Vacinas da Pfizer contra a Covid-19 para adultos (frasco roxo) e para crianças (frasco laranja) Sandro Araújo/Agência Saúde DF.


Em Juiz de Fora, a vacinação das crianças começará da seguinte forma:


Quinta-feira (20/01) - Todas as crianças de 5 a 11 anos com comorbidades e crianças de 11 anos nascidas entre janeiro e junho.

Sexta-feira (21/01) - Todas as crianças de 5 a 11 anos com comorbidades e crianças de 11 anos nascidas entre julho e dezembro.


O pré-cadastro está disponível no site da Prefeitura de Juiz de Fora, assim como a ficha para a vacinação das crianças.


Clique aqui e confira o calendário completo e aqui para conferir os locais de vacinação na cidade.


13 visualizações0 comentário

댓글


bottom of page