top of page
  • Foto do escritorRadio Catedral

Vacinação antirrábica é aplicada em postos itinerantes no mês de setembro em JF

Por Rádio Catedral


A Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) realiza a Vacinação Antirrábica Animal na Zona Urbana às sextas-feiras do mês de setembro. Diversas localidades receberão postos itinerantes de imunização.

Nesta sexta, dia 9 de setembro, das 14h às 19h, haverá a imunização para cães e gatos na Praça CEU - Avenida Juscelino Kubitschek, 5.899, no Bairro Benfica -, onde acontece o primeiro "Rolê da Cidadania", evento com diversas atividades recreativas e culturais e atendimentos sociais para a população. E ainda durante o mês de setembro, outras seis localidades receberão um posto móvel de vacinação contra a raiva.


Confira a programação:

1- Região de São Pedro:

Bairro Caiçaras: dia 13/09/22, próximo à Escola Mun. Augusto Gotardello, horário de 08h30 às 16h;

Bairro Adolfo Vireque: dia 15/09/22, no campo Nova União, horário de 08h30 às 12h;

2- Região do Bairro Retiro:

Bairro Pedras Preciosas: dia 13/09/22 - Rua Opala, em frente ao ponto de ônibus, horário de 08h30 às 09h30;

Bairro Granjas Bethel: 13/09/22 - em frente ao salão comunitário, de 10h às 11h;

3-Região do Bairro Retiro:

Bairro Monte Carlo: dia 14/09/22 - Estrada União Indústria, km 186, horário de 10h às 11h;

Bairro Niterói: dia 14/09/22 - em frente ao bar, horário de 08h30 às 09h30.

O Dia D da Campanha de Vacinação Antirrábica na Zona Urbana será realizado em 15 de outubro.

Vacina antirrábica


A vacina antirrábica é indicada para cães e gatos, a partir de três meses de idade, sendo recomendada uma dose ao ano. A vacinação antirrábica animal representa a ação mais importante na prevenção do aparecimento da doença. Seguindo orientação do Ministério da Saúde, a Secretaria Municipal de Saúde realiza a vacinação de cães e gatos, em função destes animais serem principais transmissores da raiva para o ser humano.


A Secretaria de Saúde recomenda ainda, aos proprietários de bovinos, equinos, caprinos, ovinos e suínos, que adquiram a vacina e realizem a vacinação de todos os seus animais, uma vez que a raiva é uma doença transmitida por mamíferos. Em relação à situação epidemiológica da doença no município, a pasta da saúde destaca, que não há registros de casos de raiva em cães e gatos desde o ano de 1998. Em contrapartida, são registrados casos de raiva em bovinos e equinos, frequentemente na zona rural, transmitida principalmente por morcegos hematófagos. A raiva é uma zoonose causada por vírus e transmitida por mamíferos, principalmente cães e gatos, cabendo destacar que a transmissão ao homem também pode ocorrer através de equinos e bovinos, animais silvestres/morcegos, principalmente na zona rural. A transmissão ocorre através de mordeduras, arranhaduras e lambeduras de mucosas, em função do vírus estar presente na saliva dos animais contaminados.

Atendimento


O Hospital de Pronto Socorro (HPS) é o local de referência em Juiz de Fora em casos de mordidas/arranhões de cães, gatos e outros animais possivelmente contaminados. O serviço de soroterapia do hospital é referência no tratamento antirrábico na região, para que se avalie a necessidade de aplicação de vacina e/ou soro antirrábico. Esse é um procedimento que representa outra importante ação na prevenção da doença, além da vacinação dos animais.


48 visualizações0 comentário

コメント


bottom of page