top of page
  • Foto do escritorRadio Catedral

Quarto domingo de agosto lembra a vocação dos leigos e leigas na Igreja

Por Fabíola Castro e Roberta Oliveira

Fotógrafo Marcus Guerra com a imagem de São Miguel da Paróquia de Santos Dumont (MG).

Neste mês de agosto dedicado às vocações no quarto domingo é lembrada a vocação dos leigos e leigas, com o dia do catequista. Ao longo do mês já celebramos a vocação presbiteral, no primeiro domingo, com o “Dia do Padre”, a vocação ao matrimônio, no segundo domingo, com o “Dia dos Pais” e a vocação à vida religiosa, no terceiro domingo, com o dia dos religiosos e religiosas.


Os leigos são todos os cristãos, exceto os membros das Sagradas Ordens ou do estado religioso reconhecido na Igreja, isto é, os que foram incorporados a Cristo pelo Batismo, que formam o Povo de Deus.


Os cristãos leigos devem ter uma consciência clara, não somente de pertencerem à Igreja, mas de serem Igreja, isto é, a comunidade dos fiéis na terra sob a direção do chefe comum, o Papa, e dos Bispos em comunhão com eles.


O leigo tem como vocação própria, procurar o Reino de Deus exercendo funções no mundo, no trabalho, mas ordenando-as segundo o plano e a vontade de Deus. Cristo os chama a ser “sal da terra e luz do mundo”.


O fotógrafo, Marcus Guerra, da cidade de Santos Dumont conversou com a Rádio Catedral para contar um pouco da sua missão. Ele é um leigo muito atuante na Paróquia São Miguel e Almas, em especial doando seu dom e trabalho com a fotografia, no exercício de registrar cada momento celebrativo.


Uma vocação que foi nutrida, segundo Marcos, desde a infância com a semente da fé plantada por seus pais. No caminho até a vida adulta, muitas dúvidas, mas o amor de Deus e o exemplo dos pais o trouxeram de volta.


Marcus conta que a paixão pela fotografia começou também ainda quando criança de forma despretensiosa, como diversão e após ser presenteado pelos pais com uma câmera.



Ordenação Episcopal de Dom Roberto

Dom Roberto é natural de Santos Dumont e foi Sagrado Bispo na Paróquia São Miguel e Almas | Foto: Marcus Guerra.

Neste mês de agosto, além das vocações, a fotografia também é celebrada, com o dia mundial em 19 de agosto. Marcus comenta como começou o trabalho com a arte de eternizar momentos em imagens dentro da Igreja, em especial na Paróquia São Miguel.


Para Marcus todos os momentos celebrativos são especiais, mas ele destaca a oportunidade de eternizar em fotos a Grande Semana da fé católica, a Semana Santa.


O trabalho do leigo Marcus como fotógrafo voluntário na Paróquia São Miguel e Almas já vem há alguns anos e em 2023 terá a oportunidade de mais uma vez registrar uma celebração especial e importante para a comunidade, a sua elevação à Santuário no mês de setembro quando se celebra também a festa do Padroeiro, momento de grande expectativa.


O fotógrafo Marcus deixa um recadinho e algumas dicas para quem atua com fotografias religiosas em suas paróquias, grupos e comunidades, sendo leigo atuante também nessa missão de registrar e eternizar momentos em fotos.


Marcus finaliza com um agradecimento pela oportunidade da missão leiga na Igreja.


Algumas fotografias feitas pelo fotógrafo Marcus Guerra


101 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page