• Radio Catedral

Provas dos três módulos do PISM da UFJF serão em 5 e 6 de fevereiro

Por Fabíola Castro


As provas do Programa de Ingresso Seletivo Misto (PISM) 2022 da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) serão aplicadas nos dias 5 e 6 de fevereiro nas cidades de Juiz de Fora (MG), Governador Valadares (MG), Muriaé (MG), Petrópolis (RJ) e Volta Redonda (RJ).

O Professor do Colégio Jesuítas de Juiz de Fora, Wanderluce Gonçalves de Paula Gomes, dá algumas dicas aos estudantes para esses dias que antecedem as provas.

A UFJF já disponibilizou o comprovante definitivo de inscrição para os candidatos do PISM 2022. No documento é possível conferir a confirmação da inscrição no processo seletivo, os dados do estudante e o local de prova. O comprovante deve ser impresso pelo próprio participante na Área do Candidato.


O comprovante definitivo não é enviado por correio, sendo de responsabilidade do inscrito imprimi-lo e conferir os dados encontrados no documento, como: nome, RG, opção de curso, grupo, data e horário. No caso de erro nos dados apresentados, é possível enviar um e-mail para vestibular@ufjf.edu.br. O Pism reúne 30 mil inscritos, sendo cerca de 17 mil em Juiz de Fora, e outros 13 mil nas demais cidades. É necessário observar com atenção o local de provas – em Juiz de Fora, 18 escolas recebem candidatos, além do campus da UFJF. A Coordenação Geral de Processos Seletivos (Copese) orienta aos candidatos que conheçam com antecedência os locais de prova, para que no dia do exame não tenham dificuldades com o trajeto nem se atrasem. Ao contrário do último ano, quando as provas foram aplicadas em datas diferentes para cada módulo, nesta edição, o volume de participantes será bem maior, o que exige planejamento e bastante prudência ao sair de casa. Os portões serão abertos às 11h30 e fecham às 13h.


Relação candidatos/vagas


A UFJF disponibilizou nessa semana, a relação de candidato por vaga do módulo III do Programa de Ingresso Seletivo Misto (Pism). Nesta edição, 7.694 estudantes disputam as 2.303 vagas oferecidas em Juiz de Fora e em Governador Valadares.


Em Juiz de Fora, o curso de Administração integral, no grupo B, destinado a candidatos de escola pública que não se declaram negros, pardos ou indígenas e têm renda inferior ou igual a 1, 5 salário mínimo, apresentou a maior relação candidatos por vaga: 28. Também no grupo B, Psicologia apresentou a segunda maior relação, 27,5 candidatos por vaga.


A Fisioterapia no grupo E, direcionado para pessoas que completaram o ensino médio em escola pública, conquistou a terceira posição, com 26 candidatos por vaga. Já a Psicologia, no grupo E, alcançou a quarta maior procura com 23 candidatos por vaga e a Ciência da Computação, no grupo B, ficou com a quinta colocação e possui uma média de 22 candidatos por vaga.


Já no campus de Governador Valadares, o curso de Medicina tem as três maiores concorrências do Pism 2022. No grupo E, a relação é de 23,8 candidatos por vaga; na ampla concorrência – grupo C -, são 17,8 por vaga. Já no grupo B a concorrência cai para 12,5 por vaga.


O curso de Direito tem a quarta e a quinta maior concorrência em Governador Valadares: 10,5 candidatos por vaga no grupo E e 9,25 no grupo B. Todos os cursos mais concorridos, de acordo com a UFJF, por grupo, estão no campus Juiz de Fora.


A relação completa de candidato/vaga do Pism, pode ser conferida aqui.


Mais concorridos por grupo:

Grupo A: Enfermagem e Psicologia, com 13,3 candidatos por vaga.

Grupo B: Administração Integral, 28 candidatos por vaga.

Grupo C: Ciências da Computação noturno, com 20,3 candidatos por vaga.

Grupo D: Psicologia, 10,7 candidatos por vaga

Grupo E: Fisioterapia com 26 candidatos por vaga.


Sobre o PISM

O PISM é um processo de avaliação seriada, em que os candidatos às vagas oferecidas pela UFJF participam de três módulos de avaliação (I, II e III), um ao final de cada ano do Ensino Médio. Esse sistema busca uma maior interação entre o Ensino Médio e o Superior, já que avalia os conhecimentos do estudante ano a ano, sendo cobrado, em cada prova, conteúdo cumulativo dos anos anteriores.


Por ser um processo de avaliação seriada, o PISM permite ao candidato aprimorar seu desempenho ao longo das etapas, baseando-se no resultado que recebe a cada módulo concluído. Com isso, ele pode avaliar quais os conteúdos que precisam de uma maior atenção e corrigir as falhas, sem sair prejudicado.


Na inscrição do PISM I e II não se escolhe o curso e grupo de cotas, sendo assim é oportunidade do estudante aproveitar a chance de participar mesmo se está indeciso com o curso que pretende fazer. Já no PISM III, o candidato escolhe o curso e o grupo de cotas.

0 comentário