• Radio Catedral

Procon/JF orienta consumidores para as compras de material escolar

Atualizado: Jan 15

Por Fabíola Castro


*Foto: Site PJF

Início de ano são várias as despesas e contas a pagar e entre elas está a compra dos materiais escolares para a volta às aulas. O Procon/JF - Agência de Proteção e Defesa do Consumidor de Juiz de Fora dá orientações aos pais e responsáveis, quanto às compras de material escolar, visando o controle de gastos.


Segundo o gerente de atendimento do Procon/JF, Oscar Furtado, a primeira dica básica é a pesquisa de preços.

Se o consumidor optar por fazer a compra pela internet, é preciso ficar atento se o frete não vai sair mais caro que o produto.


Oscar Furtado ressalta a importância de os pais ou responsáveis conferirem se os produtos que estão adquirindo são seguros, a fim de que a criança não se machuque ou corra risco de ingestão. Por isso, é fundamental adquirir materiais com o selo de identificação do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro).

Exigir sempre a nota fiscal deve ser um hábito dos consumidores.

Outra dica que pode ajudar a economizar na hora de adquirir os materiais escolares é quanto ao reaproveitamento de alguns objetos utilizados no último ano, para não comprar itens sem necessidade.

Cinco papelarias de Juiz de Fora foram pesquisadas pelo Procon/JF, que divulgou na última semana levantamento de preços para auxiliar os pais ou responsáveis nas compras do material escolar das crianças. Foram comparados 112 produtos de papelaria, sendo a régua de 30 centímetros o item de maior variação: 205,26%, sendo encontrada de R$ 0,95 a R$ 2,90. A menor variação ficou com o caderno universitário espiral de capa dura de personagem, com 96 folhas, com 0,31%, sendo encontrado de R$ 15,90 a R$ 15,95. Clique aqui e confira a pesquisa completa.


A solicitação dos preços foi feita às papelarias do centro da cidade, entre os dias 2 e 8 deste mês. Participaram da pesquisa as lojas que manifestaram interesse. O critério de escolha dos produtos foi com base na procura dos materiais em anos anteriores.


O gerente de atendimento do Procon/JF, Oscar Furtado, diz que a pesquisa é realizada anualmente, a fim de orientação, até porque não existe tabelamento dos preços praticados pelas lojas. Essa é uma informação para que o consumidor tenha indicação de onde ir na hora das compras, mas ele ressalta que os preços podem sofrer alterações, devido ao tempo decorrido da pesquisa.

Mais informações e orientações do Procon podem ser solicitadas pelos telefones 3690-7610 e 3690-7611, ou na sede da agência, na Avenida Presidente Itamar Franco, 992, Centro, de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 17h30.


Comércio de material escolar amplia horário de atendimento


Papelarias, livrarias e comércio varejista de materiais escolares de Juiz de Fora poderão funcionar em horário especial para atender consumidores durante o período de volta às aulas.


A decisão foi definida em acordo assinado pelos presidentes do Sindicomércio-JF, o Sindicato do Comércio de Juiz de Fora, Emerson Beloti, e do Sindicomerciários, o Sindicato dos Empregados no Comércio de Juiz de Fora, Silas Batista da Silva.


O horário especial passa a valer a partir da próxima quinta-feira, dia 16, e segue até 15 de fevereiro. As lojas poderão funcionar de segunda à sexta-feira, das 8h30 às 20h. Aos sábados, o horário é de 8h30 às 16h.


A iniciativa tem como objetivo garantir a comodidade dos consumidores para suas compras de material escolar. Com o horário especial, o consumidor que trabalha durante o horário comercial também poderá realizar suas compras com tranquilidade, além de ter oportunidade de pesquisar preços.

Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Twitter Branco
  • 347814db5ead8ece1540a586342c64b7_logo-ds

© Criado por Elias Arruda.  Todos os direitos reservados à Rádio Catedral - FM .