top of page
  • Foto do escritorRadio Catedral

Vacinação de crianças e adolescentes contra a dengue começa neste sábado (4) em Juiz de Fora

As primeiras faixas etárias a serem vacinadas serão de 10 e 11 anos e segue conforme a disponibilidade de doses na cidade.


Por Rádio Catedral


Começa em Juiz de Fora neste sábado (4) a vacinação contra a dengue de crianças e adolescentes. A aplicação será escalonada por idade e sempre aos sábados no Centro de Vigilância em Saúde, na Av. dos Andradas, 523, Centro, de 8h às 17h.

 

Neste primeiro dia de imunização, devem ser levadas as crianças de 10 e 11 anos, como orienta o subsecretário de Vigilância em Saúde, Jonathan Ferreira Thomaz.



Havendo disponibilidade de doses, de acordo com a Secretaria de Saúde, no sábado, dia 11 de maio, serão vacinados os adolescentes de 12 e 13 anos, e em 18 de maio, aqueles de 14 anos.

 

Inicialmente, Juiz de Fora recebeu 7.341 doses da vacina da dengue e a ampliação da cobertura do público será gradativa, conforme disponibilidade de vacinas, segundo informou a pasta da saúde.

 

A vacina contra a Dengue utilizada é a Qdenga, um imunizante tetravalente produzido a partir do vírus vivo atenuado, ou seja, do micro-organismo infectado, mas enfraquecido. Essa condição pode melhorar a resposta do sistema imunológico, funcionando de forma semelhante à defesa do corpo humano nos casos de infecção pela dengue. O esquema vacinal da Qdenga é composto por duas doses, com intervalo de 90 dias entre cada uma.

 

As crianças e adolescentes da faixa etária elencada que já tiveram dengue há mais de seis meses, também devem se vacinar para evitar novas infecções ou, em caso de contágio, sintomas mais leves. Além disso, nessas pessoas é esperada uma resposta melhor ao imunizante. Quem teve a doença recentemente, deve aguardar o prazo de seis meses para tomar a vacina. E quem for diagnosticado com a doença no intervalo entre as doses deve manter o esquema vacinal, desde que o prazo não seja inferior a 30 dias em relação ao início dos sintomas.

17 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page