top of page
  • Foto do escritorRadio Catedral

II Jogos das Escolas Católicas: os caminhos comuns entre fé e esporte inspiram edição 2023

Por Roberta Oliveira


O esporte e a religião vão entrar em quadra a partir desta segunda-feira, 24 de abril, com o início da segunda edição dos “Jogos das Escolas Católicas” de Juiz de Fora. Com o lema "A centenária chama vos chama - continuemos caminhando juntos", o evento vai mobilizar equipes representando sete instituições de ensino do município.


Os Jogos das Escolas Católicas são realizados pela Pastoral da Educação da Arquidiocese de Juiz de Fora, em parceria com as Escolas Católicas. Estudantes dos Colégios Academia, Jesuítas, Resgate, Santos Anjos, Stella Matutina, Nossa Senhora do Carmo e Santa Catarina nascidos entre 2009 e 2011 vão competir em handebol, vôlei, basquete e futsal, com times masculinos e femininos.


A cerimônia de abertura do torneio esportivo será às 19h30, no Ginásio do Colégio Jesuítas. Na ocasião, estarão presentes todos os alunos inscritos nos Jogos, a Comissão Organizadora e o Vigário Episcopal para Educação e Cultura, Padre Everaldo José Sales Borges. O encerramento está previsto para o dia 23 de junho, às 19h, no Colégio Academia.


Esporte e o impacto na formação cidadã


O Diretor do Colégio Católico Comunidade Resgate, Daniel Ribeiro, destacou os propósitos dos Jogos Católicos.


Daniel Ribeiro reforçou que as instituições estão mobilizadas para as competições, que serão realizadas nos próximos dois meses, com partidas sediadas em quatro colégios, sempre no turno da tarde. E a segunda edição dos Jogos das Escolas Católicas também comunga com o espírito sinodal da Arquidiocese da Juiz de Fora.


Os caminhos coincidentes entre esporte e fé católica


Daniel Ribeiro reforça como que o autocuidado inspirado pelo esporte contribui no processo de aprendizado e também é um dos pontos coincidentes com a vivência da fé católica.


O Diretor do Colégio Católico Comunidade Resgate, Daniel Ribeiro, comenta que a competição saudável oferecida nos esportes traz diversos aprendizados.

Daniel Ribeiro destaca ainda que o modo de vida de Cristo também teve um pouco de esporte. E aponta que o enfrentar o sofrimento faz parte de quem busca a vitória, tanto no esporte quanto na prática da fé católica.


58 visualizações0 comentário
bottom of page