• Radio Catedral

Igreja celebra Dia de Finados

por Giovane Rezende*

Foto: Assessoria de Comunicação da Arquidiocese

No dia 2 de novembro, Dia de Finados, o Arcebispo de Juiz de Fora, Dom Gil Antônio Moreira, presidiu Celebração Eucarística em lembrança aos fiéis que já faleceram, na Catedral Metropolitana. O mesmo aconteceu em centenas de igrejas espalhadas por todo o território arquidiocesano, visto que, este ano, por conta da pandemia da Covid-19 e para evitar aglomerações, os cemitérios não receberam missas.


Segundo Dom Gil, três pontos devem ser refletidos sempre nesta data.

No início da Eucaristia, Dom Gil incensou a Capela da Ressurreição da Catedral, onde estão sepultados Dom Justino José de Santana, primeiro bispo da Diocese de Juiz de Fora (1924-1958), e Dom Altivo Pacheco Ribeiro, que foi Administrador Arquidiocesano de nossa Igreja Particular entre 1977 e 1978. Segundo o Arcebispo, a cripta é um sinal da nossa esperança.

Dom Gil comentou sobre o importante trabalho da Diaconia da Esperança. De acordo com o Arcebispo, são pessoas, entre leigos e religiosos, que se unem e se dedicam a auxiliar familiares para o momento da morte de alguém.

A Coordenadora da Diaconia da Esperança do Cemitério Municipal de Juiz de Fora, Ane Carolina Schuwarten Damasceno, comenta sobre a participação dos ministros em levar conforto às famílias enlutadas.


As fotos da celebração de Finados podem ser conferidas no Facebook da Arquidiocese de Juiz de Fora.


*Com informações, imagens e áudios cedidos pela Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Juiz de Fora.

Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Twitter Branco
  • 347814db5ead8ece1540a586342c64b7_logo-ds

© Criado por Elias Arruda.  Todos os direitos reservados à Rádio Catedral - FM .