• Radio Catedral

Hipertensão arterial: perigos e cuidados

Por Fabíola Castro


*Foto: site Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS).

A hipertensão arterial é um problema bastante comum em nossa sociedade. No último 17 de maio, foi lembrado o Dia Mundial da Hipertensão Arterial, uma data para reforçar a conscientização sobre essa doença, a importância do diagnóstico precoce, cuidados e prevenção.


De acordo com a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) "a hipertensão afeta mais de 30% da população adulta em todo o mundo, ou seja, mais de um bilhão de pessoas. É o principal fator de risco para doenças cardiovasculares, especialmente doença coronariana e acidente vascular cerebral, mas também para doença renal crônica, insuficiência cardíaca, arritmia e demência.


"A hipertensão arterial causa um grande número de mortes e é um sério problema de saúde pública”, conforme o Cardiologista, Dr. Guilherme Porto de Paula. Ele fala sobre esse tema na entrevista abaixo. Confira:



O que é a hipertensão arterial e a pressão arterial?


Quando o indivíduo é considerado hipertenso?


Existe um período para essa confirmação da hipertensão arterial? Por quanto tempo a pressão tem que ficar alterada para o diagnóstico ser confirmado?


A pressão alta pode acontecer em qualquer idade? Ou em que idade ela é mais comum?


Quando a pressão fica descontrolada o que pode acontecer? E quando é considerado descontrole?


O que o descontrole da pressão pode ocasionar a médio, longo prazo?


Em relação aos sinais e sintomas, quais são aqueles que podem servir como alerta para a Hipertensão Arterial?


Quanto aos fatores de risco para a hipertensão arterial quais podemos reforçar?


Para controlar a pressão alta, o que deve ser feito? Somente com medicamentos?


Qual a importância da prevenção quando se fala da hipertensão arterial?


0 comentário