top of page
  • Foto do escritorRadio Catedral

Enem dos Concursos: Governo Federal publica editais do Concurso Público Nacional Unificado

Por Rádio Catedral com informações da Agência Brasil



O Governo Federal publicou em edição extraordinária do Diário oficial da União os oito editais, um para cada bloco temático do Concurso Público Nacional Unificado (CPNU)


O processo, apelidado de “Enem dos Concursos”, vai selecionar 6.640 servidores para 21 órgãos públicos federais. São 5.948 vagas para nível superior e 692 para nível médio. Haverá reserva de 20% de vagas para pessoas negras; 5% para pessoas com deficiência e 30% para indígenas nos cargos para a Funai.


As provas objetivas e discursivas serão no dia 5 de maio. A divulgação dos resultados das provas objetivas e preliminares das provas discursivas e redação será em 3 de junho. A divulgação final do resultado está prevista para 30 de julho e o início da convocação para posse e cursos de formação será em 5 de agosto.


Os editais


Nos editais estão as informações sobre vagas, requisitos, salários, conteúdo programático, formas de inscrição, critérios de seleção, data e local das provas:



Inscrições


As inscrições começam em 19 de janeiro e vão até 6 de fevereiro, feitas exclusivamente pelo Portal Gov.br, com contas ouro, prata ou bronze.


As taxas custam R$ 60 (nível médio) e R$ 90 (nível superior). De acordo com o Governo Federal, podem pedir isenção: os inscritos no CadÚnico; que for doador de medula óssea; bolsista ou ex-bolsista do ProUni ou do do Fies.


Só será permitida uma inscrição por CPF, mas o candidato poderá concorrer a todos os cargos dentro do mesmo bloco temático, com as seguintes etapas de escolha:


• Etapa 1: escolher o bloco temático;

• Etapa 2: escolher os cargos dentro do mesmo bloco temático;

• Etapa 3: ordenar preferência entre os cargos;

• Etapa 4: ordenar preferência entre as especialidades;

• É possível expressar preferência entre todos os cargos e especialidades ou apenas em alguns deles.


Sobre as provas

As provas serão aplicadas em 220 cidades de todo o país por meio de parceria com a Fundação Cesgranrio. As regiões metropolitanas devem ter provas em mais de um município. Nível superior

• Pela manhã (2h30 de duração): provas objetivas de conhecimentos gerais (20 questões) + prova discursiva de conhecimento específico do bloco;

• Pela tarde (2h30 de duração): provas objetivas de conhecimentos específicos (50 questões);

Nível médio

• Pela manhã (2h30 de duração): provas objetivas (20 questões) + redação;

• Pela tarde (2h30 de duração): provas objetivas (40 questões).


21 visualizações0 comentário
bottom of page