• Radio Catedral

Comunidade Nossa Senhora da Paz celebra festa da sua padroeira



No dia 9 de julho, celebra-se a festa de Nossa Senhora da Paz. A Virgem da Paz é festejada na comunidade de mesmo nome, no Bairro Encosta do Sol. A capela pertence à Paróquia Nossa Senhora de Lourdes, do Francisco Bernardino.


As celebrações tiveram início no último sábado (6) com o tríduo, que segue até esta segunda-feira (8), contando ainda com momentos de confraternização e funcionamento de barraquinhas.


Para o dia da festa de Nossa Senhora da Paz (9), haverá procissão pelas ruas do bairro e celebração solene. Após alimentar o espírito, haverá a Partilha da Paz, oferecida pela comunidade.


A Comunidade Nossa Senhora da Paz fica na Rua João Leite de Oliveira, 319 – Encosta do Sol.


Confira a programação completa:


De 6 a 8 de julho – Tríduo

Dia 6 de julho – Sábado 18h30 – Celebração Logo após funcionamento de barraquinhas e dança


Dia 7 de julho – Domingo 18h30 – Celebração Logo após funcionamento de barraquinhas e quadrilha


Dia 8 de julho – Segunda-feira 19h30 – Celebração Logo após funcionamento de barraquinha


Dia 9 de julho – Terça-feira – Dia de Nossa Senhora da Paz 19h30 – Celebração solene em honra a Nossa Senhora da Paz *Procissão Luminosa (Levar vela para procissão) ** Logo após Partilha da Paz




Nossa Senhora da Paz*


No ano de 1682, EI Salvador era assolada por uma violenta guerra. Foi naqueles dias que alguns mercadores, passando pelas praias do Mar do Sul, encontraram uma grande caixa de madeira e ficaram muito intrigados. Tentaram abri-Ia mas foi em vão. Resolveram então levá-Ia ao centro da cidade para as autoridades, pois julgaram tratar-se de algum tesouro à deriva depois de um assalto pirata.


Com muito custo, pois a caixa era muito pesada, chegaram à pequena Vila de São Miguel, e eis que, em frente à igreja paroquial, o burrico que carregava a preciosa carga empacou. Acharam melhor abrir ali mesmo a caixa. Imensa foi a surpresa de todos ao encontrar a linda imagem da Virgem, em tamanho natural, vestida de rainha, com o Menino Jesus em seu braço esquerdo.


A notícia do encontro da imagem correu rápido por todos os cantos do país, chegando até aos campos de batalha.


E o primeiro prodígio aconteceu. Soldados e civis, tocados pela doce ternura da Virgem, depuseram as armas e a paz reinou em todo o país. Passaram então a chamá-Ia Nossa Senhora da Paz. E ficaram no ar sem respostas as dúvidas a seu respeito: Para onde estaria indo a imagem da Virgem da Paz? Teria seu navio sido vítima de um naufrágio? Por que o burrico empacou justamente diante da igreja, na praça principal?


O certo é que ali mesmo construíram o primeiro altar a Nossa Senhora da Paz, de onde manifestaram-se muitos favores e bênçãos ao povo salvadorenho. Guerras são evitadas, tremores de terra, tempestades, vulcões são neutralizados sempre com a intercessão da Virgem da Paz.


Em 23 de novembro de 1966 ela foi proclamada Padroeira de EI Salvador, pelo Papa Paulo VI. Sua festa oficial acontece no dia 9 de julho.


*Fonte: a12.com

Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Twitter Branco

© Criado por Elias Arruda.  Todos os direitos reservados à Rádio Catedral - FM .