• Radio Catedral

Trinta Santuários de todo o mundo recitam o Terço em maio, a pedido do Papa Francisco


*Foto: Vatican News.

Santuários de todo o mundo conduzirão a recitação do Terço todos os dias durante o mês de maio em uma maratona de oração com o tema: "De toda a Igreja subia incessantemente a oração a Deus" (At 12,5), para invocar o fim da pandemia.


Envolvendo 30 Santuários, desejo do Papa Francisco, os momentos de oração serão abertos neste sábado, 1° de maio, às 18h (horário de Roma), 13h (horário de Brasília), na Capela Gregoriana da Basílica de São Pedro. O Santo Padre rezará junto ao ícone de Nossa Senhora do Socorro. A oração terá transmissão, ao vivo, do Vatican News, com comentários em português, a partir das 12h55 (horário de Brasília).


Todos os dias a oração, nos diversos Santuários do mundo, será transmitida ao vivo nos canais oficiais da Santa Sé, sempre às 18h (horário de Roma), 13h (horário de Brasília).


Santuário Nacional de Aparecida participa da recitação do Terço


O Santuário Nacional de Nossa Senhora Aparecida, em Aparecida (SP), participará da “maratona” de oração convocada pelo Papa Francisco para este mês de maio. O Pontífice quis envolver os Santuários com o objetivo de que se tornassem instrumentos para uma oração de toda a Igreja.


A participação do Santuário Nacional será no dia 6 de maio, com a intenção pelos jovens. A recitação do Terço será transmitida ao vivo nos canais oficiais da Santa Sé às 18h (horário de Roma), 13h (horário de Brasília).


A intenção é promover a difusão da iniciativa nas respectivas regiões, de modo a chegar aos sacerdotes, às famílias e a todos os fiéis, convidando-os a unir-se a esta oração de intercessão e esperança à Santíssima Virgem. Cada Santuário do mundo é convidado a rezar na maneira e na linguagem em que a tradição local se expressa.


Este chamado comunitário procura realizar uma oração contínua, distribuída pelos meridianos do mundo, que se eleva incessantemente de toda a Igreja ao Pai através da intercessão da Virgem Maria.


Por esta razão, os Santuários são chamados a promover e solicitar o máximo possível a participação do povo. Assim, todos poderão dedicar um momento à oração diária pelo fim da pandemia e a retomada das atividades sociais e de trabalho.


Ambos os momentos serão acessíveis às pessoas surdas e com dificuldade de audição através da tradução para a língua dos sinais.


O Pontifício Conselho para a Promoção da Nova Evangelização, que organiza a iniciativa, divulgou a lista dos Santuários e a intenção de cada dia. Confira:

*Início com o Papa Francisco, na Basílica de São Pedro (Vaticano) – Pela humanidade ferida;


01 – Nossa Senhora de Walsingham (Inglaterra) – Pelos falecidos;

02 - Jesus o Salvador e Maria Mãe (Nigéria) – Por aqueles que não puderam se despedir dos entes queridos;

03 – Nossa Senhora de Częstochowa (Polônia) – Pelos contagiados e doentes;

04 – Basílica da Anunciação (Israel) – Pelas mulheres grávidas e os nascituros;

05 – Bem-aventurada Virgem do Rosário (Coreia do Sul) – Pelas crianças e adolescentes;

06 – Nossa Senhora Aparecida (Brasil) – Pelos jovens;

07 – Nossa Senhora da Paz e da Boa Viagem (Filipinas) – Pelas famílias;

08 – Nossa Senhora de Luján (Argentina) – Pelos agentes de comunicação;

09 – Santa Casa de Loreto (Itália) – Pelos idosos;

10 – Nossa Senhora de Knock (Irlanda) – Pelas pessoas com deficiência;

11 – Virgem dos Pobres (Bélgica) – Pelos pobres, sem-teto e pessoas em dificuldade econômica;

12 – Nossa Senhora da África - Pelas pessoas sozinhas e por aqueles que perderam a esperança;

13 – Virgem do Rosário (Portugal) – Pelos encarcerados;

14 – Nossa Senhora da Saúde (Índia) – Pelos cientistas e institutos de pesquisa médica;

15 – Nossa Senhora Rainha da Paz (Bósnia) – Pelos migrantes;

16 - Catedral de Santa Maria (Austrália) – Pelas vítimas da violência e do tráfico humano;

17 – Imaculada Conceição (Estados Unidos) – Pelos responsáveis das nações e organismos internacionais;

18 – Nossa Senhora de Lourdes (França) – Pelos médicos e enfermeiros;

19 - Meryem Ana (Turquia) – Pelas populações em guerra e pela paz no mundo;

20 – Nossa Senhora da Caridade do Cobre (Cuba) – Pelos farmacêuticos e pessoal da saúde;

21 – Nossa Senhora de Nagasaki (Japão) – Pelos agentes sócios-assistenciais;

22 – Nossa Senhora de Montserrat (Espanha) – Pelos voluntários;

23 – Notre Dame du Cap (Canadá) – Pelas forças de segurança, militares e bombeiros;

24 – (A ser confirmado) – Por aqueles que garantem os serviços essenciais;

25 – Santuário Nacional de Nossa Senhora de Ta’Pinu (Malta) – Pelos professores, estudantes e educadores;

26 – Nossa Senhora de Guadalupe (México) – Pelos trabalhadores e empreendedores;

27 – Mãe de Deus (Ucrânia) – Pelos desempregados;

28 – Nossa Senhora Negra de Altötting (Alemanha) – Pelo Papa, os bispos, presbíteros e diáconos;

29 – Nossa Senhora do Líbano (Líbano) – Pelas pessoas consagradas;

30 – Bem-aventurada Virgem do Santo Rosário de Pompeia (Itália) – Pela Igreja;

31 – Jardins Vaticanos – Pelo fim da pandemia e a retomada da vida social e de trabalho.


*Fonte: Vatican News

0 comentário