top of page
  • Foto do escritorRadio Catedral

Testemunho e partilha: padres falam dos significados da celebração de Corpus Christi

Por Roberta Oliveira


Na tarde desta quinta-feira (16), a partir das 16h, o Arcebispo Metropolitano de Juiz de Fora, Dom Gil Antônio Moreira, celebrará Missa na Paróquia Bom Pastor, que vai reunir todas as paróquias da Forania Santo Antônio. Em seguida, haverá procissão luminosa em direção à Catedral Metropolitana, onde será dada a bênção do Santíssimo Sacramento, além das bênçãos ao longo do trajeto, em frente à Santa Casa e ao Cenáculo São João Evangelista.



Para entender os significados e as reflexões despertadas pelo Corpus Christi, conversamos com o administrador da Catedral Metropolitana, Padre José de Anchieta Moura Lima e o pároco da Paróquia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, Padre Vanderlei Santos de Sousa, C.Ss.R.

Os dois destacam que o Corpus Christi é um convite para cada cristão ser uma testemunha viva dos ensinamentos de Jesus Cristo e que a verdadeira partilha é a maior lição desta celebração.


"Testemunhar Jesus e, desta forma, transformarmos a realidade"

O pároco da Paróquia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, Padre Vanderlei Santos de Sousa, C.Ss.R. destacou todo o contexto de festividades que fazem o trajeto católico do nascimento até a festa do Corpo e Sangue de Cristo.


Logo na primeira quinta-feira seguinte, os devotos celebram o Corpus Christi e o convite para que sejamos sal e luz, sem medo de testemunhar Jesus Cristo, como explica Padre Vanderlei.


Padre Vanderlei reforça por que a Festa da Eucaristia é a demonstração pública do compromisso com Jesus a partir do Sacramento onde recebemos o Corpo e o Sangue.


“Não adianta comungar se a gente esquece de quem está passando fome e sentindo frio”.

O administrador paroquial da Catedral Metropolitana Padre José de Anchieta Moura Lima destaca o significado do Corpus Christi para os católicos.


O administrador paroquial da Catedral Metropolitana reforça como os cristãos podem ser Eucaristia na vida dos outros.


Padre Anchieta reforçou o apelo pela compaixão na festa da Eucaristia, participando neste dia do gesto concreto para quem precisa e sendo solidário sempre.



Gesto concreto da Festa de Corpus Christi na Arquidiocese de Juiz de Fora

Como gesto concreto, todos os devotos foram convidados pelo Arcebispo de Juiz de Fora, Dom Gil Antônio Moreira, a doar roupas, agasalhos, cobertores ou alimentos não perecíveis nas paróquias durante as celebrações de Corpus Christi. Tudo que for arrecadado será encaminhado para as pessoas em situação de vulnerabilidade durante o período mais frio do ano.

15 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page