Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Twitter Branco

© Criado por Elias Arruda.  Todos os direitos reservados à Rádio Catedral - FM .

  • Radio Catedral

Sistema de agendamento de biometria no site do TRE-MG está fora do ar


*Foto: Site Câmara JF

O sistema de agendamento de atendimentos no site do Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG), está temporariamente fora do ar para a correção de problemas técnicos.


A Secretaria de Tecnologia da Informação está trabalhando para que o sistema possa ser novamente acessado pelo público externo o quanto antes, mas ainda não há previsão de retorno do serviço.


Os eleitores que quiserem agendar atendimento podem ligar para o Disque-Eleitor, pelo telefone 148, de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h. O agendamento não é obrigatório nos cartórios eleitorais e na maioria dos postos de atendimento. Os eleitores podem ir diretamente aos endereços da Justiça Eleitoral e aguardar atendimento por ordem de chegada.


Em Juiz de Fora, o cadastro pode ser feito na Câmara Municipal (Rua Halfeld, 955 - Centro), que funciona de segunda a quinta-feira de 12h às 18h, e às sextas-feiras, de 10h às 17h. No Centro de Atendimento ao Eleitor - Cartório Eleitoral (Av. Presidente Itamar Franco, 1420 - Centro), de segunda a sexta-feira, de 10h às 18h. E ainda, no ônibus do TRE no estacionamento do Shopping Jardim Norte, das 10h às 18h até 31 de janeiro. O atendimento lá é feito por meio de distribuição de senhas no próprio local. O recadastramento leva de 8 a 10 minutos.


Nesse sábado (25), haverá plantão para biometria, das 9h às 15h, exclusivamente no posto de atendimento da Câmara. Para fazer o cadastramento biométrico, é necessário que o eleitor leve documento de identificação oficial e comprovante de endereço. Quem já tiver o título pode levá-lo, para facilitar o procedimento. Para o eleitor do sexo masculino com mais de 18 anos que for tirar o título pela primeira vez, também é necessário apresentar o comprovante de quitação com o serviço militar.


O prazo para o cadastramento biométrico obrigatório dos eleitores juiz-foranos termina no dia 21 de fevereiro.


O eleitor que perder o prazo ficará sujeito a algumas penalidades já conhecidas, como o ter o título de eleitor cancelado e ser impedido de emitir passaporte, carteira de identidade e de participar de concursos públicos. A restrição também se estende à contratação de empréstimos em instituições financeiras públicas e à efetivação de matrículas em instituições de ensino.