top of page
  • Foto do escritorRadio Catedral

Secretaria Estadual de Saúde monitora casos de meningite em Minas

Por Danielle Quinelato

*Foto: Fábio Marchetto / SES


Com a ocorrência de surtos de meningite em algumas regiões do país, a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais tem mantido ações de vigilância e prevenção. De janeiro a setembro deste ano, no estado, foram registrados 617 casos confirmados e 92 óbitos de todas as etiologias que causam a meningite.


O coordenador de doenças e agravos transmissíveis da Vigilância Epidemiológica Estadual, Gilmar Rodrigues, destaca que a Secretaria de Estado atua em conjunto com os municípios para manter o controle da doença no estado.


A meningite é provocada pela inflamação das membranas que envolvem o cérebro e a medula espinhal. Ela pode ser causada por vírus, bactérias, fungos ou parasitas e as complicações podem levar o indivíduo a ter sequelas e em casos mais graves, pode levar até à morte.


A doença, considerada endêmica no Brasil, acomete pessoas de qualquer idade, mas o maior risco é para crianças menores de cinco anos. Por esse motivo, o esquema vacinal é iniciado logo após o nascimento do bebê, por meio da vacina BCG. Gilmar Rodrigues lembra que a imunização de crianças é a principal forma de evitar a doença.


A transmissão se dá por meio das vias respiratórias, ou seja, de pessoa para pessoa, por gotículas e secreções do nariz e da garganta. Há casos em que a transmissão se dá por meio da ingestão de água ou alimentos contaminados, ou ainda pelo contato com fezes de pessoas infectadas. A ocorrência das meningites bacterianas é mais comum no outono-inverno e das virais, na primavera-verão.


As pessoas que apresentarem sintomas suspeitos devem procurar atendimento médico nos serviços de saúde para uma avaliação adequada. É necessário ficar atento a sintomas como dor de cabeça, febre, vômitos associados a quadros de prostração intensa, irritação, rigidez de nuca ou convulsão. Estes sintomas sinalizam a necessidade de assistência médica, com urgência.


De acordo com dados da Superintendência Regional de Saúde de Juiz de Fora, na sua área de abrangência foram confirmados 11 casos de meningite por todas as etiologias em 2022, sendo oito em Juiz de Fora.

5 visualizações0 comentário

Komentar


bottom of page