• Radio Catedral

Retomada vacinação de segunda dose com AstraZeneca em Juiz de Fora

Por Rádio Catedral

*Foto: PJF.

A Secretaria de Saúde de Juiz de Fora informou que retoma, na tarde desta quarta-feira (11), a aplicação de segundas doses de AstraZeneca. Podem complementar a imunização todos aqueles que têm a data de hoje, 11 de agosto, ou data anterior como a de retorno descrita no cartão de vacina. A vacinação acontece para este público no Sesc Juiz de Fora, no Sport Club JF e em sete Unidades Básicas de Saúde (UBSs) de referência (dos bairro de Lourdes, Benfica, Nossa Senhora Aparecida, Nossa Senhora das Graças, Santa Luzia, São Pedro e Vila Ideal), das 13h às 16h.


A Prefeitura de Juiz de Fora interrompeu a aplicação de segundas doses de AstraZeneca durante a terça-feira (10), segundo informações, devido à falta dos imunizantes. Ainda de acordo com a PJF, nas remessas anteriores, o município havia recebido menos de 700 vacinas em dois envios, número inferior, tendo em vista a quantidade de pessoas que diariamente são vacinadas na cidade. Na manhã desta quarta-feira (11), o município recebeu 8.045 novas doses de AstraZeneca.


Nesta quarta-feira (11), estão sendo vacinadas com a primeira dose as pessoas de 24 anos nascidas entre janeiro e junho. Na quinta (12), é a vez das pessoas de 24 anos nascidas entre julho e dezembro. Além disso, quem tem 25 anos ou mais e perdeu a sua data de vacinação pode receber o imunizante em qualquer um dos locais disponíveis no município.


Grávidas, puérperas (até 45 dias após o parto) e lactantes (em até seis meses de pós-parto) que tenham 18 anos ou mais seguem sendo vacinadas normalmente. Além da volta da AstraZeneca, também é dada sequência à aplicação de segundas doses de Coronavac.


Documentação necessária


As pessoas que vão se vacinar por idade devem levar originais e cópias, de documento de identificação com foto - como documento de identidade (RG) ou carteira de motorista -, e comprovante de residência, que ficará retido no local de vacinação. Caso o comprovante de residência não esteja no nome da pessoa que deseja ser vacinada, é necessário apresentar cópia do comprovante, do documento de identidade e, ainda, a declaração de responsabilização, disponível no site da PJF.


Além destes documentos, as grávidas precisam levar o cartão do pré-natal, a carteira da gestante; as puérperas devem apresentar um documento que comprove o parto nos últimos 45 dias, como a certidão de nascimento do bebê ou atestado de alta hospitalar, e as lactantes em até seis meses de pós-parto, por sua vez, precisam levar um atestado médico como forma de comprovação de que amamenta e um documento que comprove que o seu parto ocorreu nos últimos seis meses, como a certidão de nascimento do bebê.


Vacina Covi-19 x Influenza


É preciso esperar pelo menos 15 dias entre a aplicação do imunizante contra a gripe e da Covid-19. Para quem foi diagnosticado com Covid, é recomendado ao menos 30 dias de espera entre o começo dos sintomas ou teste positivo (no caso dos assintomáticos) para receber a vacina.


Confira na imagem, abaixo, o calendário de primeiras doses para essa semana:


0 comentário