top of page
  • Foto do escritorRadio Catedral

“Queimada Mata”: com período de estiagem campanha busca prevenção em Juiz de Fora

Por Rádio Catedral


Iniciado o período de estiagem, a Prefeitura de Juiz de Fora e o Corpo de Bombeiros intensificam a campanha de prevenção “Queimada Mata”. A iniciativa, adotada desde 2021, envolve a realização de vistorias em lotes vagos, notificação de responsáveis e orientação à população.

 

A campanha conta com a ação dos fiscais de posturas da Secretaria de Sustentabilidade em Meio Ambiente e Atividades Urbanas (Sesmaur) e dos agentes da Defesa Civil, da Secretaria de Governo (SG), que atuam em conjunto para fortalecer a operação do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais.

 

A Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros realizam vistorias e identificam lotes que precisam de manutenção. Com os dados organizados, o material é encaminhado para que os fiscais de posturas notifiquem e orientem o proprietário do terreno.

 

O secretário de Sustentabilidade em Meio Ambiente e Atividades Urbanas, Raphael Ribeiro, fala da iniciativa  reforça o risco para a própria população.



O objetivo da campanha é orientar e conscientizar a população sobre os riscos, além de advertir sobre as exigências legais, como explica o Tenente Procópio do Corpo de Bombeiros.



Joviano Assis, da Defesa Civil, ressalta que as queimadas podem deixar o solo mais suscetível a deslizamentos no período chuvoso.



De acordo com o Código de Posturas Municipais, os proprietários têm a obrigatoriedade de fazer a manutenção dos lotes vagos, com limpeza e cercamento adequados, conforme previsto na legislação municipal, Lei 9896/2000 (código ambiental de Juiz de Fora) e decreto 12793/2016. A legislação também prevê punições para quem realiza queimada de qualquer natureza. A multa pode passar de R$ 27 mil.

 

Para denúncias de terrenos que precisam de manutenção, a população pode enviar uma mensagem com o endereço correto para o Whatsapp 3690-7984, disponibilizado pela PJF. Já as denúncias de queimadas ou incêndios devem ser direcionadas para o Corpo de Bombeiros, através do telefone 193.

2 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page