• Radio Catedral

Nossa Senhora das Dores é celebrada na Arquidiocese de Juiz de Fora

Por Roberta Oliveira


Nesta quarta, 15 de setembro, a Igreja Católica celebra o Dia de Nossa Senhora das Dores, também invocada sob o título de Nossa Senhora da Piedade e Nossa Senhora da Soledade. Paróquias na Arquidiocese de Juiz de Fora celebram estes títulos da Virgem Maria.


“Quero ficar junto à cruz, velar contigo a Jesus e o teu pranto enxugar!”. É assim que a Igreja celebra a compaixão e piedade de Maria. A devoção a Nossa Senhora das Dores possui fundamentos bíblicos, na Palavra de Deus encontramos as sete dores de Maria: o velho Simeão, que profetiza a lança que transpassaria de dor o seu Coração Imaculado; a fuga para o Egito; a perda do Menino Jesus; a Paixão do Senhor; crucificação, morte e sepultura de Jesus Cristo.


Esta devoção deve-se muito à missão dos Servitas – religiosos da Companhia de Maria Dolorosa – e foi incluída na Liturgia pelo Papa Bento 13. O culto a Nossa Senhora das Dores começou em 1221 no Mosteiro de Schonau, na Germânia. A festividade em 15 de setembro, iniciou-se em Florença, Itália, em 1239 através da Ordem dos Servos de Maria.


Como Igreja, recordamos que com as dores oferecidas, a Santíssima Virgem participou ativamente da Redenção de Cristo. Desta forma, Maria está nos apontando para uma Nova Vida, que não significa ausência de sofrimentos, mas sim, oferta de si para uma civilização do Amor.


Especialmente para o Jornal Boa Nova, o Arcebispo Metropolitano, Dom Gil Antônio Moreira, lembrou que a celebração de Nossa Senhora das Dores está ligada à Exaltação à Santa Cruz, nesta terça, 14 de setembro.


Dom Gil Antônio Moreira lembrou ainda que Maria confiava na vitória ao lado de Jesus e é um exemplo que devemos seguir na nossa vida.


Festividades em Juiz de Fora


No Bairro Grama, a matriz da Paróquia Nossa Senhora das Dores, na Rua Rio de Janeiro, 10, tem missas festivas às 15h e às 19h30. E depois, haverá venda de pastéis. O pároco da Paróquia Nossa Senhora das Dores, no Bairro Grama, padre Antônio Eduardo Dias da Silva, lembra que o sofrimento de Maria reflete da dor da humanidade.

O padre Antônio Eduardo Dias da Silva destaca que nós podemos pedir a intercessão de Nossa Senhora para nos amparar nos nossos momentos de sofrimento.


Ainda em Juiz de Fora, há celebração também na Igreja Nossa Senhora da Piedade, da Paróquia Nossa Senhora das Estradas, na Rua Ana Inácia dos Reis, 47, no Bairro Igrejinha. Haverá terço às 15h e às 19h, missa com translado com a imagem da Senhora da Piedade, coroação e fogos de artifício

No Bairro Vila Ideal, também haverá celebração na Matriz de Sant'Ana, na Rua Afonso Celso, 98. Está prevista Missa às 19h30, com participação presencial por ordem de chegada. Quem quiser poderá acompanhar pelo youtube da paróquia Sant'Ana.


Celebrações em outras cidades da Arquidiocese


Em Bias Fortes, a matriz de Nossa Senhora das Dores fica na Praça dos Sagrados Corações, 33, no Centro, terá missas festivas às 15h, seguida de carreata com a imagem de Nossa Senhora das Dores pela cidade e missa às 18h.

O administrador paroquial da Paróquia Nossa Senhora das Dores, de Bias Fortes, Padre João Carlos Ventura de Oliveira, ressaltou que hoje é dia de refletir sobre o exemplo da virgem maria que não se deixou paralisar pela dor nos piores momentos que viveu.

Padre João Carlos Ventura de Oliveira comenta sobre a importância de se mirar no sentimento de confiança irrestrita que Maria tinha em Cristo.


Ainda na área da Arquidiocese de Juiz de Fora, a matriz na Paróquia Nossa Senhora das Dores na Praça Vigário Maia, 107, em Lima Duarte terá repique dos sinos e oração do Angelus, às 12h. Entre 13h e 14h, haverá distribuição da Comunhão Eucarística no Adro da Matriz para os enfermos no formato drive-thru. Às 14h30, visitação da imagem de Nossa Senhora pelas ruas da cidade. Às 18h, está previsto repique dos sinos, Oração do Angelus e Terço Mariano e a programação termina às 19h com missa na Matriz. Para participar presencialmente na missa em Lima Duarte, é necessário agendar pelo telefone (32) 3281-1236.

Em Santos Dumont, haverá celebração em duas paróquias. No distrito de Dores do Paraibuna, a matriz fica na Rua F, 64, haverá Oração do Ângelus e veneração da imagem da padroeira às 12h. Às 15h, será rezado o Terço da Misericórdia. E às 18h, celebração Eucarística, seguida de procissão com a imagem de Nossa Senhora das Dores e São Sebastião. É necessário agendar a presença no telefone (32) 99817-5765 e haverá transmissão no Facebook da Paróquia.

Ainda em Santos Dumont, a Comunidade Nossa Senhora da Soledade que fica no bairro Soledade, na área rural, terá terço às 17h.


Em São João Nepomuceno, a Paróquia Nossa Senhora das Dores no distrito de Taruaçu terá missa às 19h.


Em Rochedo de Minas, a matriz fica na Praça Nossa Senhora da Piedade, 119, no Centro. Haverá adoração ao Santíssimo Sacramento a partir das 14h, seguida de missa. Depois, a Imagem de Nossa Senhora da Piedade percorrerá as ruas da cidade.

0 comentário