• Radio Catedral

Igrejas de Juiz de Fora voltam a receber fiéis no domingo, 21.

por Giovane Rezende*

Na última segunda-feira, 15 de março, a Prefeitura de Juiz de Fora publicou decreto em que que regula os protocolos municipais às determinações da onda roxa do Programa Minas Consciente, faixa estadual em que a microrregião do município está classificada desde o dia 13.


Entre as determinações, está a autorização da realização de cultos religiosos de maneira presencial aos domingos, observando-se o limite de 20% de ocupação e respeitando-se os protocolos de segurança sanitária.


No mesmo dia, o Arcebispo Metropolitano, Dom Gil Antônio Moreira, enviou um comunicado ao Clero comemorando a medida e informando que ela já vale para o próximo domingo, dia 21 de Março. O pastor ainda recordou que a decisão se refere a Juiz de Fora, cabendo aos padres responsáveis por paróquias do interior a consulta, na Prefeitura local, sobre as orientações a serem seguidas.

Dom Gil comentou sobre esta nova decisão, ressaltando a importância da manutenção das transmissões.

Vale ressaltar que o governo de Minas autorizou, nesta quarta-feira (17), o funcionamento de igrejas e templos religiosos na Onda Roxa do programa Minas Consciente. Até então, a deliberação não esclarecia se os espaços podiam abrir.

Segundo o governo do Estado, “o livre exercício de culto religioso é garantido constitucionalmente”, mas devido às restrições por conta da pandemia, será necessário restringir o número de pessoas, adotar medidas de higiene e de distanciamento social, além do uso obrigatório de máscara.


*Informações da Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Juiz de Fora


0 comentário