• Radio Catedral

Divulgadas informações sobre o Pism da UFJF


Divulgação/UFJF

A Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), divulgou na manhã desta quarta-feira (24), as informações sobre o Programa de Ingresso Seletivo Misto 2020 (Pism). Serão ofertadas 2.303 vagas, em 76 cursos dos campi de Juiz de Fora e Governador Valadares, que vão ser distribuídas em 1.903 vagas em 66 cursos do campus-sede e 400 vagas em dez cursos do campus avançado.


As inscrições para os módulos I, triênio 2019-2021; II, triênio 2018-2020; e III, triênio 2017-2019; devem ser feitas das 15h do dia 5 de agosto às 18h do dia 26 do mesmo mês no site da Copese, a Coordenação Geral de Processos Seletivos, no endereço ufjf.br/copese. O edital já se encontra no portal.


As provas para os três módulos do Pism serão realizadas nos dias 30 de novembro 1º de dezembro, de uma às cinco e meia da tarde. O local de prova de cada candidato estará contido no comprovante definitivo de inscrição.


As provas serão realizadas nas cidades mineiras de Governador Valadares, Juiz de Fora e Muriaé, além de Volta Redonda e Petrópolis, no Estado do Rio de Janeiro. É a primeira vez que Petrópolis recebe a aplicação das provas do Pism.


Para se inscrever, o candidato deve acessar o site da Copese, realizar a inscrição no link indicado e imprimir a Guia de Recolhimento da União (GRU), referente à taxa de inscrição, no valor de R$ 120. O pagamento deve ser feito até às 20h do dia 27 de agosto, exclusivamente pelo Banco do Brasil.


Todo o processo de inscrição será feito exclusivamente online, assim como as solicitações de isenção, de atendimento especializado e nome social. O formulário de inscrição eletrônico possibilitará o anexo de documentos digitalizados necessários para esses tipos de requisição, como comprovações de baixa renda, laudos médicos e atestado de confissão religiosa.


Os interessados em solicitar a isenção da taxa de inscrição podem fazer o pedido a partir das 15h do dia 5 de agosto até as 15h do dia 11. Os pedidos de isenção podem ser feitos via CadÚnico, informando o Número de Identificação Social; ou pelos critérios da Lei 12.799/2013, desde que o candidato possua renda familiar bruta mensal igual ou inferior a um e meio salário mínimo per capita e que tenha cursado o ensino médio integralmente em escola da rede pública ou recebido bolsa integral em escola da rede privada.


Nesta edição, os candidatos que se inscreverem aos grupos para pessoas com deficiência e aos grupos para pessoas que se autodeclaram pretas, pardas ou indígenas passarão por uma banca de verificação de veracidade da autodeclaração.


O procedimento é obrigatório para a efetivação da matrícula e a não confirmação da veracidade implica em perda da vaga. A medida será tomada para garantir que as vagas sejam destinadas somente às pessoas que têm direito às políticas afirmativas.


Os candidatos que necessitarem de atendimento especial para realizar as provas também deverão fazer o pedido no momento da inscrição, anexando documentos digitalizados que comprovem tal necessidade. Pessoas com deficiência devem anexar à inscrição cópias digitalizadas do laudo médico e demais documentos comprobatórios.


Nesta edição do Pism, os candidatos estão proibidos de entrar nos locais de prova com lápis. As provas devem ser feitas integralmente com caneta preta ou azul. A intenção é evitar que os candidatos façam parte da prova a lápis e não tenham as respostas corrigidas.


O comprovante definitivo de inscrição deve ser acessado e impresso pelos próprios candidatos a partir das 15h do dia 19 de novembro até meio dia do dia 1º de dezembro. A UFJF não vai enviar o documento pelos Correios, nem o entregará pessoalmente.


*Informações da Diretoria de Imagem Institucional da UFJF

Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Twitter Branco
  • 347814db5ead8ece1540a586342c64b7_logo-ds

© Criado por Elias Arruda.  Todos os direitos reservados à Rádio Catedral - FM .