top of page
  • Foto do escritorRadio Catedral

Criança de dez meses é internada após ingerir cigarro de maconha em Juiz de Fora

Por Rádio Catedral

Imagem meramente ilustrativa | Foto: Pixabay.

Uma criança está internada em Juiz de Fora após ingerir maconha. As informações preliminares foram divulgadas pela Polícia Militar na noite de ontem, quinta-feira, 12.


De acordo com a assessoria da PM, segundo informações da médica de plantão do Pronto Atendimento Infantil (PAI), a criança de dez meses ingeriu acidentalmente um pedaço de cigarro de maconha. A médica explicou aos policiais que a criança estava sonolenta e permaneceria internada em observação.


As informações iniciais sobre o caso recebidas pela PM são de que a mãe, de 23 anos, contou que se descuidou e a criança teve acesso ao cigarro. Ela foi detida e encaminhada para a Delegacia de Polícia Civil. O Conselho tutelar foi chamado para acompanhar o caso. A avó paterna compareceu e ficou responsável pela criança.


A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), informou que o caso foi encaminhado ao Plantão da 1ª Delegacia Regional, onde um procedimento investigativo foi instaurado para apurar os fatos e encaminhamento à 7ª Delegacia de Polícia Civil.


A Secretaria de Saúde da Prefeitura de Juiz de Fora informou por meio de nota, que a criança está sem risco de morte, respirando normalmente e sem alterações neurológicas. A bebê foi atendida, conforme a pasta, no Pronto Atendimento Infantil (PAI) sonolenta, com queda de saturação e necessitando de hidratação venosa. A equipe de atendimento do PAI realizou exames laboratoriais, a hidratação venosa e administração de oxigênio. Conforme orientação do centro de intoxicação, a criança não precisou passar por lavagem estomacal e segue internada e monitorada pela equipe.

5 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page