• Radio Catedral

Arcebispo de Juiz de Fora divulga orientações ao clero e transferências de padres


O Arcebispo Metropolitano de Juiz de Fora, Dom Gil Antônio Moreira, divulgou um comunicado aos sacerdotes com orientações a respeito de questões pastorais e administrativas, no último final de semana. No comunicado, o Arcebispo dá indicações para a realização dos sacramentos nesta nova fase da pandemia, também de ações de compromisso com os pobres, além de divulgar transferências de padres.


Na introdução do texto, o Pastor recordou o contexto da Arquidiocese e explicou que sua carta é fruto de longas reflexões com conselhos e grupos auxiliares. Em seguida, manifestou votos de boa recuperação e louvor às pautas e iniciativas levantadas pelo Papa Francisco.


A respeito dos sacramentos, reiterou que eles podem ser realizados. Explicando as adaptações possíveis de cada sacramento especifico, frisou sempre a observação das normas de higienização, distanciamento e que evitem aglomerações.


Dom Gil tornou a lembrar da situação de crise econômica, inclusive dando exemplo da redução das côngruas do clero arquidiocesano, para assim pedir que o cuidado com os vulneráveis seja um compromisso prioritário assumido por todos.


Na ocasião, o Arcebispo comunicou algumas transferências de sacerdotes que tiveram que ser realizadas por motivos pastorais. Como já explicou em outros momentos, as mudanças acontecem para o atendimento de nossas paróquias e de outros setores da vida pastoral, no ideal da sinodalidade. Dentre os anúncios, Dom Gil agradeceu ao Padre Luciano Bonato por seu serviço. “Sirvo-me da ocasião para agradecer ao Padre Luciano seu longo e bom trabalho pastoral, tornando-se agora emérito por ter completado 75 anos de idade em 8 de abril passado”.


Por fim, Dom Gil Antônio deixou uma mensagem de agradecimento ao clero por sua contribuição. “Gestos bonitos de compreensão e corresponsabilidade exemplares têm sido observados e merecem nosso sincero louvor e aplauso”, escreveu ele.


Clique aqui e confira a Carta do Arcebispo na íntegra.

0 comentário