top of page
  • Foto do escritorRadio Catedral

Após danos ao prédio da Escola Estadual Delfim Moreira, travessia elevada de pedestres será retirada

Atualizado: 24 de mar. de 2023

Por Rádio Catedral

Travessia elevada perto dos Grupos Centrais será retirada Foto: PJF/Arquivo

A partir deste sábado, 27, começa o trabalho de retirada do traffic calming - a travessia elevada de pedestres - nas proximidades da Escola Estadual Delfim Moreira, na Avenida Rio Branco, em frente ao número 2.437, no Centro de Juiz de Fora.


De acordo com a Prefeitura, a obra será nas três pistas de travessia perto das ruas Braz Bernardino e Fernando Lobo, no Centro e atende a uma solicitação do Governo de Minas Gerais.


Laudo técnico encaminhado ao Executivo informou que a travessia elevada causou danos estruturais no Palacete Santa Mafalda, que abrigou a escola e é bem histórico tombado do município. Segundo o documento, trincas no prédio são decorrentes de vibrações ocasionadas pela passagem de veículos na travessia elevada de pedestres.


De acordo com o Governo de Minas, a Escola Estadual Delfim Moreira foi transferida para outro prédio em 2013 e o restauro começou em 2019, com investimento de quase R$ 13 milhões. A expectativa é de entrega da obra até o final de 2022, para que os mais de mil estudantes nos três turnos voltem a estudar no prédio no ano letivo de 2023.

Cronograma da obra


A primeira etapa da obra será neste sábado, 27, na pista lateral no sentido Bom Pastor – Centro, com interdição parcial do trecho a partir de 14h.


Os trabalhos continuam no 3 de setembro, com a remoção na pista de carros no sentido Centro - Bom Pastor.


E encerrando, no dia 10 de setembro, será retirada a travessia na pista dos ônibus. Depois, a equipes da Secretaria de Mobilidade Urbana vão refazer a sinalização horizontal e vertical da travessia.


Palacete Santa Mafalda


O Palacete Santa Mafalda foi construído no final da década de 1860 pelo comendador Manoel do Valle Amado. Em 1907 o edifício de dois pavimentos foi ocupado pelo primeiro grupo escolar de Minas Gerais. Além das fachadas e volumetria estão tombados o hall da escola e a escada de madeira.



21 visualizações0 comentário

Kommentarer


bottom of page