• Radio Catedral

25/11: Dia do Doador Voluntário de Sangue, um ato que salva vidas

Por Fabíola Castro


A recomendação da Organização Mundial da Saúde é de que de 3% a 5% da população de um país seja doadora de sangue. No Brasil, este número chega apenas a 1,8%.


Em diversos procedimentos de saúde há a necessidade da utilização das bolsas de sangue, seja em um tratamento especializado, em um atendimento de emergência, como em casos de acidentes graves, de risco de hemorragias graves, transplantes, cirurgias, etc.


A doação de sangue é um fator importante para salvar a vida de milhares de pessoas todos os dias! E, nesta quinta-feira, 25 de novembro, celebramos o Dia do Doador Voluntário de Sangue!


No Bendita Saúde desta quinta, em entrevista, a Hematologista Dra. Andrea Nicolato, falou sobre a importância da doação de sangue. Confira:


Qual a importância de se lembrar essa data do Dia do Doador Voluntaário e por que é importante doar sangue?


Em que situações as bolsas de sangue, a transfusão são necessárias?

Quem pode e quem não pode doar sangue?


Em relação a quem teve Covid em quanto tempo a pessoa pode doar e também qual o tempo para quem tomou a vacina?


Para o dia da doação quais são as orientações e recomendações?


Quanto tempo dura a doação? E quais os cuidados após a doação?


Qual o intervalo deve haver entre uma doação e outra? Esse tempo é diferente para homens e mulheres?


Quais mitos em relação à doação de sangue e que podem deixar as pessoas com receio de doarem?


Após a doação como se dá esse processo com o sangue até ele chegar ao destino, a quem necessita? Um único doador pode ajudar a quantos pacientes com a sua doação? E a Fundação Hemominas atende a quantos locais que precisam do sangue?


Nesse tempo de pandemia os estoques de sangue têm ficado abaixo do ideal? E qual a média diária para que esses estoques fiquem abastecidos de uma forma mais tranqüila?


Para finalizarmos, a senhora poderia deixar uma mensagem às pessoas que podem doar sangue para que façam esse ato que salva vidas?


Agendamento para doação


O agendamento para a doação de sangue pode ser feito pelo site www.hemominas.mg.gov.br o pelo aplicativo “MG APP”. Informações podem ser obtidas também pelo telefone (32) 3257-3100 .


Lembrando que não somente pessoas de Juiz de Fora podem doar no hemocentro, mas de outras cidades também, como a Dra. Andrea disse, a Hemominas atende a hospitais de toda a região. Você pode agendar e juntar um grupo de amigos, família e fazer a doação!

É importante ainda lembrar o que disse a Dra Andrea, "com apenas uma doação é possível salvar até quatro vidas". Não há ainda um substituto para o sangue e em diversos tratamentos, aquele que é doado, é que vai fazer a diferença e salvar uma vida!


Comemorações Dia do Doador Voluntário de Sangue


Para marcar a data do “Dia do Doador Voluntário de Sangue”, o Hemocentro Regional de Juiz de Fora realiza atividades para homenagear e agradecer aos doadores durante toda essa semana.


A programação teve início na última segunda, 22 de novembro com distribuição de lembranças alusivas à causa e sorteio de brindes para aqueles que comparecem ao hemocentro.


Nesta quinta-feira, 25 de novembro, pela manhã, foi feita a diplomação de 26 doadores diamantes com a entrega de certificados aos doadores que fizeram 50 doações de sangue na unidade.


Até o dia 27 de novembro, a equipe da fundação programou várias atividades para comemorar a data. O horário de funcionamento da unidade é de segunda a sexta-feira de 7h às 12h e de 13h30 às 16h40 e aos sábados de 7h às 12h. O Hemocentro Regional de Juiz de Fora fica na Rua Barão de Cataguases, s/n, Centro.

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo