Problemas com o player?

Terceiro dia da Assembleia Geral da CNBB: Episcopado brasileiro reza pelos bispos eméritos

13/04/2018 às 13:56:51

O arcebispo emérito de Manaus (AM) dom Luiz Soares Vieira presidiu a Celebração Eucarística desta sexta-feira (13), no Altar Central do Santuário Nacional de Aparecida (SP), que abriu as atividades deste terceiro dia da 56ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

Antes de iniciar a Santa Missa, dom Luiz Soares saudou os bispos de Aparecida (SP), dom Orlando Brandes e o emérito de Juiz de Fora (MG), Eurico dos Santos Veloso pelo aniversário natalício e lembrou do falecimento do padre redentorista Guilherme Tracy, que durante sua vida sacerdotal trabalhou no combate ao alcoolismo de sacerdotes, seminaristas e religiosos.

“Nós bispos eméritos chegamos a idade da sabedoria que não é desencanto com a vida, mas sim ver claramente o que é de Deus. O entardecer da existência nos faz ver que Deus só Ele é a razão do ser cristão e do agir episcopal”, disse. Finalizando sua reflexão, dom Luiz Soares pediu a intercessão de Nossa Senhora Aparecida a Jesus para que Ele ajude os bispos a ter discernimento para viver a vocação episcopal como serviço. “Nada além de serviço”, concluiu.

Hoje no Brasil são 173 bispos eméritos e 38 deles participam da 56ª Assembleia Geral da CNBB.

Após a celebração, todos seguiram para o Centro de Eventos Padre Vítor Coelho de Almeida para as discussões diversas. Nesta sexta-feira (13), os bispos encaminham novos passos para próxima semana. O documento que está sendo aprofundado, aperfeiçoado e que seguirá para a Congregação do Clero do Vaticano como fruto do trabalho dos bispos na 56ª Assembleia, em Aparecida (SP), expressa a razão, o fundamento e o princípio que animam a formação dos presbíteros e estabelece normas a serem seguidas pela Igreja no Brasil.

Coletiva de imprensa

Os mais de 400 bispos reunidos para a Assembleia Geral discutiram na quinta-feira (12) sobre o tema central deste encontro anual: os desafios da formação dos novos padres. Além deste assunto, também trataram sobre a música litúrgica.

A formação dos padres repercute nesse ano, em vista da necessidade de atualização das diretrizes em vigor, aprovadas em 2010. Essa atualização é motivada especialmente pelo magistério do Papa Francisco e pela publicação pela Congregação para o Clero do documento, ‘O dom da vocação presbiteral’, que atualiza orientações para formação dos novos presbíteros.

Esses temas como de costume tomaram a fala dos bispos durante a coletiva de imprensa realizada durante a tarde da quinta-feira.

Dom Pedro Brito Guimarães, membro da equipe de elaboração do texto sobre o tema central, falou que a discussão sobre a atualização das diretrizes ocorre há mais de um ano e têm movimentado bispos, padres e formadores nessa discussão. O arcebispo informou ainda que além do texto, os bispos tiveram acesso a uma pesquisa inédita que traça um perfil do padre brasileiro nas mais diversas realidades de sua vida e vocação.

Dom Armando Bucciol, presidente da Comissão da Liturgia, destacou que os temas sobre a Liturgia são de grande interesse na Assembleia e por isso, a Comissão tem muito trabalho à sua frente. Entre os temas que a Comissão deve apresentar para os bispos, Dom Armando citou a penúltima revisão do Missal Romano, que já soma mais de 11 anos de trabalho, e que agora traz a atualização de inúmeras orações e antífonas das Missas Comuns e para as Diversas Necessidades, que atualizadas e fiéis ao latim sejam mais compreensíveis ao povo brasileiro.

Nessa assembleia, a Comissão traz ainda o tema da música litúrgica para ajudar todos os atores da Liturgia, incluindo músicos a compreenderem o sentido dos diferentes momentos do rito e os critérios para a escolha dos cantos. “É uma questão complexa”, enfatiza o bispo, “Pede competência não só musical, mas também litúrgica, cultural e espiritual”, para ser uma “música que vise e favoreça o encontro com Deus e uma experiência não só emocional, mas que anime e transforme a pessoa que vive o momento litúrgico”, assinalou.

O arcebispo do Rio de Janeiro, Cardeal Orani João Tempesta, levou para a coletiva a mensagem que a Assembleia Geral deste ano enviará ao Papa Francisco. Dom Orani leu a carta aos jornalistas, onde indica ao Santo Padre as reflexões e preocupações dos bispos. “Dentro da carta estão explicitados tanto temas da nossa assembleia, como também do Santo Padre e a nossa comunhão e a nossa unidade com o Papa Francisco”, ressaltou Dom Orani.

Dom Gil Antônio Moreira, Arcebispo Metropolitano de Juiz de Fora, presente na AG da CNBB:

O Arcebispo de Juiz de Fora, Dom Gil Antônio Moreira, presente na Assembleia Geral em Aparecida (SP), falou à Rádio Catedral, sobre este segundo dia de trabalhos, ressaltando o clima de fraternidade em que as atividades acontecem.

Os trabalhos começam todos os dias com a Santa Missa.
Os bispos animados pelos momentos de oração seguem com as discussões da Assembleia Geral.
Acompanhando Dom Gil Antônio Moreira estão, Frei Flávio Henrique de Castro, pmPN e o Padre Leonardo José de Souza Pinheiro, que é assessor da Comissão Episcopal Pastoral para a Liturgia da CNBB.
*Com informações de: www.cnbb.org.br

*Foto: a12.com

Mural

Parabéns pelo aniversário, desde o primeiro dia de transmissão que nós aqui em casa escutamos a Rádio Catedral. Parabéns pela transmissão do futebol, gostei muito, eu sou apaixonado por transmissão de futebol pelo rádio. A gente fica bem informado e dá mais emoção. Torço para que vocês façam uma parceria com a rádio Tupi do Rio de Janeiro, tenho certeza que vocês vão arrebentar na audiência. Mais uma vez parabéns a toda a equipe e que DEUS abençoe a todos!
Adriano Maximiano -
Obrigada pelo carinho Pri, ouvi o seu abraço!! Que Deus a abençõe todos os dias e continue assim tão atenciosa com todos. Bjo Wânia e Rosi.
Wania - 09/07/2015
Obrigado por publicar essa mensagem sobre a peregrinação da nossa forania ficou muito legal!
Pe. Anchieta -
Peço oração todos os enfermos e todos os padres.rnA sua bênção
Maria de Lourdes -
Graça e paz irmãos da Rádio Catedral, que alegria poder ouvir vocês! Quero parabeniza-los pelos 10 anos de evangelização, levando através das ondas sonoras a evangelização a tantos corações.
Jornalista e Radialista Adriano Dias. - 22/07/2016
Magno Pires, saiba que amamos toda família Catedral, toda a programação, se meditamos o Santo Rosário, jamais iremos decepcionar nossos amigos construídos pela fé. Amamos demais o horário do programa" Fica conosco Senhor ", horário de onde recai chuva de bençãos para todos que aguardam este momento. Deus o abençoe!!!
Maria de Lourdes Alves Pereira - Bairro Jardim Natal -
"To" ligado nas transmissões esportivas aqui em São João da Boa Vista, interior de São Paulo.
Toni Marques -
NÃO TENHO PALAVRAS PARA AGRADECER A DEUS POR TER CONHECIDO ESSA IGREJA, E ESSES PADRES, MAIS EM ESPECIAL PADRE ERÉLIS E PADRE CAMILO. VOU VIVER FORA DO BRASIL APOS PERDER MINHA FILHA JAQUELINE. E MINHA UNICA LEMBRANÇA BOA DE JF É A IGREJA S. RITA. QUE DEUS CONTINUE ILUMINANDO A TODOS!
JOASELIA DA SILVA SOUZA -
Boa noite aos Irmãos em Cristo! A paz de Jesus e o amor de Maria! Peço orações de modo permanente, se possível, para minha Mãe Neli Redi Bertocco que está fazendo tratamento de quimioterapia de modo continuado e está hospitalizada Intenção de cura, tratamento, recuperação e restabelecimento da saúde de minha Mãe Neli. Muito obrigado! Fiquem com Deus! Um fraterno abraço, Marcus Bertocco.
MARCUS ANTONIO BERTOCCO JUNIOR -
Que a alegria de ser católico e participar do Terço dos Homens chegue a todas as familias, principalmente aquelas que mais precisarem, aquelas que enfrentam o desemprego, dividas e doenças, que a misericórdia do Nosso Senhor e o Amor de Nossa Senhora alcance a todos. Amém!
Jose Bernardino da Silva -